O presidente do partido Renamo, Ossufo Momade, disse que mais de dois mil e seiscentos ex-guerilheiros do partido, já foram reintegrados na sociedade, no âmbito do processo de Desmilitarização, Desmobilização e Reintegração (DDR).

Falando em Nampula esta quarta-feira, após a sua chegada, ido da província de Cabo Delgado, Ossufo Momade disse que por enquanto o processo DDR está a decorrer à contento e muitos ex-guerilheiros estão a retomar gradualmente a vida civil nos seus distritos de origem.

O líder da Renamo disse, sem mencionar nomes, que há alguns administradores distritais que tentam criam dificuldades para a reintegração de antigos militares.