Mais de cinquenta e cinco mil habitantes, o correspondente a onze mil famílias do distrito de Guijá, em Gaza, continuam numa situação de insegurança alimentar, devido ao fracasso da produção agrícola na presente campanha.

Nesta campanha o distrito de Guijá, produziu quarenta e seis mil toneladas de culturas diversas, contra setenta e oito mil planificadas.

Devido a falta da chuva, o distrito de Guijá perdeu cerca de treze mil hectares de culturas diversas com destaque para o milho.

O director distrital das Actividades Económicas, em Guijá, Cremildo Nhalungo, diz que para minimizar a crise alimentar, decorrem projectos de produção de hortícolas, usando o sistema de rega gota-a-gota a partir da água fornecida por sistemas multifuncionais.