O primeiro-ministro francês apresentou esta manhã a demissão do governo ao presidente Emmanuel Macron. O anúncio foi feito pelo palácio do Eliseu.

O Conselho de ministro previsto para hoje fica, assim, sem efeito, mas Edouard Philippe e o executivo garantirão a gestão dos assuntos correntes até à nomeação de um novo governo.