O Instituto de Patrocínio e Assistência Jurídica (IPAJ) em Manica assistiu só no primeiro semestre do ano em curso, um total de 5.178 Processos a nível das prisões, tribunais, polícia e procuradorias daquela região, no centro de Moçambique.

Segundo o delegado do IPAJ em Manica, René Osvaldo dos Santos Macumbe, trata-se de 2.491 processos crimes, 151 Cíveis, 1.647 Cadeia, 460 Legalização e 429 Consultas extra-judiciais, assistidos pelos técnicos jurídico da região, de um universo de 10.500 processos planificados para o presente ano.

O número de processos até aqui assistidos segundo o IPAJ corresponde a 49.31% de realização do plano.

Para além de processos, o IPAJ em Manica realizou 64 palestras de divulgação da importância da justiça e da assistência jurídica nas comunidades.

“O crescimento deveu-se à admissão de novo pessoal técnico a nível dos distritos e também a maior colaboração entre o IPAJ e as estruturas locais que facilitam a realização das palestras ora referidas”, disse.

Entretanto, como forma de prosseguir com o seu desiderato e levar os seus serviços para mais próximo do cidadão foram realizadas neste período 3 jornadas de assistência jurídica, sendo uma na Penitenciaria Agrícola de Manica, uma na Cadeia Distrital de Gôndola e uma na Cadeia Distrital de Manica, com objectivo principal de interacção da real situação dos presos existentes naqueles centros prisionais.

Canal Moz