A Zâmbia deve 70 milhões de dólares à empresa pública Electricidade de Moçambique (EDM) relativos a importação de energia em 2015 e 2016, anunciou o ministro da Energia daquele país.

A Zâmbia está a pagar a dívida em parcelas mensais, referiu o jornal News Diggers, ao citar o ministro da Energia da Zâmbia, Matthew Nkhuwa.

Segundo o mesmo governante, o país começou a importar na última semana até 300 megawatts (MW) de electricidade da Eskom, empresa pública de electricidade da África do Sul.

A Zâmbia possui um défice de energia da ordem dos 900 megawatts, o que provoca apagões diários de mais de 15 horas.

A Hidroelétrica de Cahora Bassa anunciou em Julho vendas fixas contratadas de 50 MW à companhia eléctrica estatal da Zâmbia (Zeza).

Lusa