Dívida de empresas ao Instituto Nacional de Segurança Social atingiu 2.397 milhões de meticais.

Da dívida total das empresas em relação ao INSS, cerca de 32.631 mil meticais correspondem a 223 processos que aguardam julgamento nos Tribunais Judiciais, cerca de 331 milhões de meticais a 874 pendentes nas Procuradorias da República e 2.328 processos correspondentes a cerca de 1.036 milhões por cobrar nos Juízos Privativos de Execuções Fiscais.

Para a ministra do Trabalho, Emprego e Segurança Social, Vitória Diogo, a dívida global de 2.397 milhões de meticais traz consequências negativas a milhares de trabalhadores e suas famílias que se vêm privados de beneficiar dos seus direitos à Segurança Social.

A ministra revela ainda que existem casos de empresas que acumulam dívidas, sem o seu conhecimento.

Para tal, Vitória Diogo exorta aos empregadores a visitarem as plataformas electrónicas para controlar o encaminhamento das contribuições mensais. A exortação é extensiva aos trabalhadores, para que continuem a fazer uso da plataforma “Minha contribuição, Meu Benefício”, para aferir se a empresa efectuou ou não a canalização do seu desconto ao INSS.

O País