Dois indivíduos integrantes de uma quadrilha encontram se detidos depois de serem surpreendidos pelos agentes da Polícia da República de Moçambique em Nampula na posse de uma arma de fogo. A PRM  refere que o grupo protagonizava assaltos e roubos com recurso a pistola.

Os indivíduos dizem se inocentes mas  reclamam o factos  de outros envolvidos terem sido deixados em liberdade mediante pagamento de valores monetários.

Zacarias Nacute, porta-voz do Comando Provincial da PRM  explica porque estes indivíduos foram detidos.

“Estes indivíduos foram neutralizados pelo polícia durante a noite, enquanto portavam uma arma do tipo pistola de pressão de ar. Assim que se aperceberam da presença da polícia puseram-se em fuga”, informou Nacute.

Refira se que os crimes com recurso a armas de fogo tem estado a crescer ao nível de Nampula, província mais populosa do país.

O País