Vendedores do mercado 16 de Junho vulgo Nwakakana, insurgiram -se contra o Conselho Municipal da Cidade de Maputo devido a ausência do director de Mercados e Feiras, numa reunião.

Segundo os comerciantes, a reunião visava fazer -se acertos do processo da sua retirada do local onde se encontram a exercer actividades para dar lugar à construção do viaduto da ponte Maputo-Ka Tembe.

Os comerciantes afirmarem que o Conselho Municipal não os quer indemnizar com o valor disponibilizado pela Empresa Maputo Sul.

A Direcção de Mercados e Feiras do Município de Maputo disse reconhecer a reclamação dos vendedores, mas avançou não haver espaço para indemnizações. Todavia, diz terem sido criadas condições para acomodá-los em outros mercados.

O País

Advertisements

COMENTE PELO FACEBOOK