Início Destaque Manifestação contra a falta de água no Cuzistão termina com um morto

Manifestação contra a falta de água no Cuzistão termina com um morto

Uma pessoa foi morta na noite de sexta-feira no Cuzistão durante uma manifestação contra a falta de água nesta província no sudoeste do Irão, segundo adiantou hoje a agência noticiosa oficial Irna.

As pessoas de Chadegan reuniram-se ontem à noite para protestar contra os cortes de água causados pela seca e alguns desordeiros e manifestantes mataram um dos manifestantes”, escreve a Irna, citando o governador em exercício deste condado, localizado a sul de Avaz, a capital da província, Omid Sabripour.

Omid Sabripour adiantou que os autores do homicídio tentaram “agitar e intimidar a população disparando tiros para o ar” e “um jovem habitante de Chadégan” foi morto.

A televisão estatal anunciou na sexta-feira que o primeiro vice-presidente iraniano, Eshaq Jahanguiri, enviou uma delegação do Governo a Avaz com ordens para “enfrentar imediatamente” a questão da escassez de água, uma vez que o descontentamento da população tem estado a aumentar.

FONTENotícia ao Minuto
Artigo anteriorUm total 123.302 eleitores são-tomenses vão eleger próximo Presidente da República
Próximo artigoPresidente do CCM alerta para o combate a desinformação sobre o covid-19