Início Politica MDM agenda para 29 e 30 de Maio a IV sessão do...

MDM agenda para 29 e 30 de Maio a IV sessão do seu Conselho Nacional

O MDM agendou para 29 e 30 de Maio a IV sessão ordinária do seu Conselho Nacional na qual vão definir todas as linhas visando a reestruturação do partido, cujo culminar será a eleição do novo Presidente, em Congresso.

A sessão ordinária do Conselho Nacional estava marcada para a primeira quinzena de Abril, mas foi adiada devido às restrições impostas pela pandemia da COVID-19 e, agora, com o relaxamento das medidas, o partido decidiu avançar com a realização do evento, na cidade da Beira.

Segundo Casimiro Pedro, a eleição do sucessor de Daviz Simango é dentre os seis pontos de agenda, um dos mais importantes da sessão.

“Faremos a definição da liderança do partido, no intervalo entre o conselho ordinário e o congresso extraordinário, faremos a marcação do congresso extraordinário para eleição do novo presidente e apreciação e aprovação do perfil do candidato à presidente do partido”.

A fonte anunciou que ainda não há candidatos para a sucessão de Daviz Simango e que qualquer membro do partido é elegível.

“Nós somos um partido democrático e, por via disso, temos membros com capacidade de gerir o partido e estes membros poderão concorrer, bastando, para o efeito, apresentar as suas candidaturas e, dentro do partido, vai-se estabelecer um parâmetro do perfil que o partido quer que seja o futuro presidente ”.

Outros pontos da agenda serão o informe sobre o estado de saúde que levou à morte o presidente do partido, a apresentação do relatório financeiro do partido e a redefinição dos ciclos do congresso.

Depois da IV sessão, o partido terá, no mínimo, três meses e seis no máximo para eleger o novo presidente.

A sessão contará com a presença de pelo menos 160 pessoas, entre membros do Conselho Nacional, membros da Comissão Política Nacional, deputados da Assembleia da República pelo MDM e outros membros do partido.

FONTEFolha de Maputo
Artigo anteriorBrasil: PGR rejeita investigação a Jair Bolsonaro
Próximo artigoChina: Turista fica em apuros a 100 m de altitude após quebrar ponte de vidro