Dois soldados foram mortos e cinco ficaram feridos num confronto entre uma patrulha das forças armadas peruanas e a Polícia Nacional com terroristas ligados ao tráfico de droga, na região de Ayacucho, uma zona de selva de difícil acesso.

Apatrulha conjunta estava a cargo da Operação “Ojo de Aguila” no setor Banderita do distrito de Canayre, quando as tropas pisaram minas colocadas pelos terroristas, que explodiram, na quinta-feira.

“Neste momento, as patrulhas continuam com a operação militar na região supracitada”, diz o comunicado oficial.