Internacional Infeção pela Ómicron apresenta menor risco de morte do que Delta

Infeção pela Ómicron apresenta menor risco de morte do que Delta

A infeção com a nova variante da covid-19 Ómicron causa uma doença menos grave e reduz em 25% o risco de hospitalização ou morte, em comparação com a Delta, revelou esta sexta-feira um estudo desenvolvido na África do Sul.

O trabalho realizado por cientistas sul-africanos aponta, ainda assim, que a gravidade dos casos com a nova variante é atenuada sobretudo devido às vacinas e infeções anteriores. Esta menor gravidade “pode representar um risco reduzido de 25% de hospitalizações graves ou morte em comparação com a [variante] Delta”.

Mesmo tendo em consideração a proteção proporcionada pela vacina, ou a imunidade dada por infeções anteriores, os dados do estudo sugerem que as características específicas da Ómicron reduzem em 25% o risco de doença grave, face à Delta”.

Esta investigação é apoiada em outros estudos científicos já divulgados e que apontam para uma maior transmissibilidade, mas menor gravidade, desta variante que foi detetada no final de novembro na África do Sul.

FONTECM
Artigo anteriorCoreia do Norte disparou dois mísseis em críticas contra pressão dos EUA por novas sanções
Próximo artigoAngola poderá perder cinco milhões de vacinas contra a covid-19 que expiram em Março