A China aprovou a venda de três produtos de medicina tradicional chinesa para o tratamento da Covid-19, informou, na sexta-feira (05), a CNN.

O aval da Agência Nacional de Medicamentos e Produtos Medicinais foi anunciado ontem. A entidade usou “uma aprovação especial” para dar ‘luz verde’ a estes produtos, que “oferecem mais opções no tratamento da Covid-19”.

Os remédios naturais, feitos à base de ervas, são inspirados em “soluções ancestrais chinesas”, usadas com regularidade pela população chinesa.

Todos os produtos prometem “limpar e desintoxicar” os pulmões. Contudo, a segurança e a eficácia destes medicamentos naturais continua a ser debatida na China. Ainda que este tipo de produtos seja usado no país há centenas de anos, as vozes mais críticas denotam que ainda não existem evidências científicas que comprovem os seus benefícios.

De acordo com o Ministério da Ciência e da Tecnologia, milhões de doentes com Covid-19 receberam no país quer medicamentos antivirais, como estes remédios naturais.