O Ministro  angolano da Construção e Obras Públicas busca a experiência de Moçambique na execução de obras e outras infra-estruturas sociais.

Durante dois dias, Manuel Tavares de Almeida visitou a Ponte Maputo/Ka-Tembe e as estradas que ligam a capital moçambicana e a zona turística da Ponta de Ouro.

“Nós provamos recentemente, uma primeira fase de portagens a serem estabelecidas na fronteiras do país. Portanto, o que nós vimos aqui  vai nos ajudar a equacionar o problema. Pensamos que pagar portagens e ter boas estradas é melhor do que não pagar e ter estradas sem condições de tráfego. O que nós vimos, em termos de organização controlo e transparência, é bastante positivo e nós acolhemos essa experiência”, disse.

RM