Pastor de 75 anos de idade, casado com oito mulheres e pai de 48 filhos, obrigou recentemente uma das suas filhas, que tem apenas 15 anos de idade a casar com um homem de 45 anos, na Beira.

Após contraírem o matrimónio a menor foi forçada pelo referido marido, por sinal já casado, a manter relações sexuais. Cansada de maus tratos a vítima fugiu do lar e denunciou o caso as autoridades.

Os pais da menor confirmaram que sabiam do casamento e que até já tinham recebido alguns bens por parte do suposto genro para legalizar a relação, só que a mesma não correu nos moldes como estava previsto.

A polícia está neste momento a procura do suposto marido da menor e enquanto isso os pais da menor estão sob custódia policial.

O País