Internacional Capital do Sudão continua envolvida em confrontos apesar do cessar-fogo

Capital do Sudão continua envolvida em confrontos apesar do cessar-fogo

A capital do Sudão, Cartum, continua a ser um cenário de guerra, com vários bombardeamentos e confrontos, apesar da entrada em vigor de um cessar-fogo na segunda-feira ao final do dia.

Segundo a agência espanhola de notícias, a EFE, a capital sudanesa está desde segunda-feira à noite a assistir a bombardeamentos aéreos no sul e no noroeste, havendo relatos de confrontos entre o exército e a Força de Apoio Rápido (RSF, na sigla em inglês) em vários pontos da capital.

O exército sudanês levou a cabo vários bombardeamentos antes da entrada em vigor da trégua, na segunda-feira às 21.45 horas locais, acordada em Jeddah com a mediação da Arábia Saudita e dos Estados Unidos da América.

Pouco antes do início da trégua, o líder da RSF, Mohamed Hamdan Dagalo, publicou uma mensagem em que condenava os bombardeamentos e pedia às forças paramilitares para continuarem os combates até à derrota do exército, de acordo com o portal sudanês de notícias Sudan Tribune.

Desde o início dos combates, em 15 de abril, mais de um milhão de pessoas foram deslocadas: mais de 840 mil procuraram abrigo em áreas rurais e outras localidades, enquanto 250 mil pessoas cruzaram as fronteiras sudanesas.

Recomendado para si:   Lula da Silva recusa convite de Putin para ir à Rússia