Início Internacional Obiang defende-se de acusações de detenções arbitrárias de migrantes

Obiang defende-se de acusações de detenções arbitrárias de migrantes

O Presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang, defendeu-se de acusações de ativistas e organizações de defesa dos direitos humanos sobre uma alegada onda de detenções de migrantes no último mês.

“A polícia controla constantemente os migrantes para que justifiquem a documentação, mas isso não quer dizer que os esteja a maltratar”, disse Obiang numa rara conferência de imprensa em Bata perante os ‘media’ internacionais.

Artigo anteriorSENAMI retém 23 imigrantes ilegais em Tete
Próximo artigoCovid-19: Moçambique regista nove infectados, seis recuperados e nenhuma morte