Início Sociedade Detido polícia que baleou jovem por não usar máscara facial em Niassa

Detido polícia que baleou jovem por não usar máscara facial em Niassa

Agente da polícia que disparou sobre jovem que não usava máscara de proteção contra a Covid-19, na província do Niassa, foi detido e será presente a um juiz. Autoridades assumem custos do tratamento hospitalar da vítima.

Celestino Castiel foi baleado no dia 12 de julho em Mitomone, no distrito de Majune, província do Niassa, por um agente da Polícia da República de Moçambique (PRM), quando estava na companhia dos seus amigos sem máscara de proteção contra a Covid-19.

Segundo a fonte militar, o agente da autoridade encontrou os jovens a conversar sem a máscara de proteção contra a Covid-19, acabando por algemar um dos constituintes do grupo.

Segundo as autoridades, a PRM está a cobrir todas as despesas hospitalares relacionadas com o caso do jovem baleado. O membro da PRM, que acabou detido, será agora alvo de um processo criminal.

FONTEDW
Artigo anteriorAutoridades detiveram três jornalistas por atentado a ordem pública na Bielorrússia
Próximo artigoBiden acusou a China de proteger autores de ciberataques contra empresas