Deon Kay, 18 anos, foi atingido a tiro no peito quando fugia armado da polícia num bairro da zona sudeste de Washington D.C. onde vivia. A polícia afirma ter disparado antes de Kay ter largado a arma.

A polícia de Washington divulgou esta quinta-feira imagens vídeo da detenção de um jovem negro morto a tiro por um polícia na quarta-feira na capital dos Estados Unidos da América, que provocou manifestações contra a violência policial contra os negros.

Deon Kay, 18 anos, foi atingido a tiro no peito quando fugia da polícia num bairro da zona sudeste de Washington D.C. onde vivia.

As imagens da câmara instalada na farda de um polícia mostram-no a perseguir um primeiro suspeito, quando Deon Kay parece surgir de trás de um veículo com uma arma na mão e o agente dispara um tiro que atinge o jovem no peito.

As imagens são de má qualidade, mas o jovem não parece apontar a arma aos polícias.

O comando policial identificou o agente como Alexander Alvarez, que entrou para as forças policiais em 2018, e disse que ele está em licença administrativa desde o incidente.

O polícia disse ter disparado antes de Deon Kay largar a arma, que foi encontrada a cerca de 30 metros do local onde caiu, disse o chefe da polícia, Peter Newsham, em conferência de imprensa, admitindo que “parece uma distância longa para atirar uma arma”.

O adolescente foi transportado para o hospital, onde foi declarado morto.

A polícia deteve dois suspeitos e recuperou duas armas de fogo e um terceiro suspeito conseguiu fugir, disse ainda o responsável.

Deon Kay era “um membro conhecido de um gangue do bairro” e tinha “numerosos” antecedentes criminais.