Um recluso da cadeia da Guarda foi apanhado, no regresso de uma saída precária, com sete telemóveis e uma pequena quantidade de droga escondidos no ânus.

A intervenção da Guarda Prisional foi feita, ao que o CM apurou, após uma investigação da Polícia Judiciária da Guarda. Já há algum tempo que o recluso andava ‘debaixo de olho’ desta polícia de investigação.

Era suspeito de introduzir artigos ilegais na prisão. Na quarta-feira, no momento em que voltava de uma saída precária, o recluso foi alvo de revista.

Os guardas prisionais acabaram por lhe encontrar, ocultados no ânus, sete telemóveis e uma pequena quantidade de droga.

De imediato foi aberto um processo e o recluso foi fechado numa cela disciplinar.

CM