Uma mulher foi atacada por um jaguar ao tentar tirar uma selfie no zoológico do Arizona, Estados Unidos, no último sábado.

Segundo funcionários do local, apesar dos avisos para não ultrapassar a barreira de protecção, a visitante, que não teve a identidade revelada, subiu em uma área perigosa e decidiu tirar a foto.

O animal percebeu a acção e atacou a mulher no braço. Um vídeo publicado nas redes sociais mostra a visitante gritando de dor após ter sido mordida. “Colocamos várias barreiras e as pessoas insistem em cruzá-las. Elas acabam criando problemas”, disse Mickey Ollson, director do zoológico ao site AzFamily.

Metrópoles