Rogério Sitoe já não é director do jornal Notícias. A sua exoneração ficou conhecida ontem quando o visado se encontrava na Escócia na companhia do chefe de Estado, Armando Guebuza, que está de visita àquele país.

Ainda não há confirmação oficial da exoneração de Rogério Sitoe, mas é dado como certo que quando voltar da Escócia, Sitoe não continuará no cargo. A nível interno, no “Noticias”, alega-se que Rogério Sitoe foi exonerado devido à sua deslocação recente a Sadjundjira para conferência de Imprensa com Afonso Dhlakama, mas também por ter se deslocado à 6.a Esquadra da Polícia recentemente para se solidarizar com a detenção do Presidente da Associação Médica de Moçambique, Jorge Arroz.

De facto, Rogério Sitoe esteve na noite da detenção de Arroz na 6.a Esquadra juntamente com outros jornalistas seniores de órgãos de comunicação na sua maioria independentes como o caso do Canal de Moçambique, Savana, Miramar, STV, @Verdade, Gungu TV, sendo ele o único dirigente de um órgão de comunicação participado pelo Estado que esteve presente.

Delfina Mugabe, uma das chefes de Redacção do “Notícias”, é apontada como a mais provável sucessora de Rogério Sitoe, cogitando-se também o nome de Júlio Manjate.
O jornal Noticias tem como maior accionista o Banco de Moçambique e veicula em grande parte as notícias oficiais do Governo.

Canal Moz