Destaque Líderes internacionais felicitam Erdogan pela vitória

Líderes internacionais felicitam Erdogan pela vitória

Receba atualizações de trabalhos do MMO Emprego

Siga o nosso canal do Whatsapp para receber atualizações diárias anúncios de vagas.

Clique aqui para seguir

Vários chefes de Estado, como Zelensky, Putin, Macron e Maduro, felicitaram o Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, pela sua vitória na segunda volta das eleições.

Na rede social Twitter, o Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, deu os parabéns a Erdogan e disse que espera desenvolver a cooperação com a Turquia para a “segurança e estabilidade da Europa e fortalecer ainda mais” a parceria estratégica em benefício dos dois países.

No ‘site’ do Kremlin, o Presidente russo, Vladimir Putin, depois de felicitar o chefe de Estado turco, considerou que a sua vitória “é o resultado lógico” do trabalho à frente do país, assim como “uma prova clara do apoio do povo turco aos seus esforços para fortalecer a soberania do Estado e conduzir uma política externa independente”.

Também no Twitter, o presidente francês, Emmanuel Macron, destacou que os dois países “enfrentam imensos desafios em conjunto”, como o regresso da paz à Europa e o futuro da Aliança Euro-Atlântica.

“Juntamente com o Presidente Erdogan, a quem felicito pela sua reeleição, continuaremos a avançar”, salientou Macron.

O ex-presidente norte-americano Donald Trump, na rede social Truth Social, também felicitou Erdogan “pela sua grande e bem merecida vitória na Turquia”, considerando-o “um amigo” que conhece bem, enquanto o Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, comemorou a vitória eleitoral do seu homólogo turco.

“A Venezuela celebra o triunfo do nosso irmão e amigo Recep Tayyip Erdogan, que foi vitorioso nas eleições presidenciais e parlamentares”, escreveu Maduro na sua conta no Twitter, onde partilhou imagens do chefe de Estado turco.

As felicitações chegaram também da Arménia, com o primeiro-ministro, Nikol Pashinyan, a manifestar o desejo de “continuar a trabalhar juntos para uma total normalização das relações” entre os dois países.

Recep Tayyip Erdogan, há 20 anos no poder, foi reeleito hoje, após a segunda volta das eleições presidenciais, confirmou o Comité Eleitoral turco.

“Com base nos resultados provisórios, verificou-se que o senhor Recep Tayyip Erdogan foi reeleito Presidente da República”, disse o presidente da Alta Comissão Eleitoral da Turquia, Ahmet Yener, citado pela agência estatal Anadolu.

Os resultados oficiais finais devem ser anunciados no início desta semana.

As assembleias de voto encerraram às 17:00 locais, menos duas horas em Lisboa.

A oposição turca denunciou hoje irregularidades na segunda volta das eleições presidenciais, como ataques físicos contra observadores eleitorais na região Sudoeste e votos falsos.

A Turquia tem cerca de 85 milhões de habitantes e mais de 61 milhões de eleitores inscritos num processo em que o voto é obrigatório.