Destaque Zelensky quer pedir ajuda à China para acabar com a guerra

Zelensky quer pedir ajuda à China para acabar com a guerra

A ideia de Volodymyr Zelensky passa por tentar convencer Xi Jinping a falar com a Rússia, devido às ligações cada vez mais fortes entre a China e Vladimir Putin. Para já, contudo, e apesar de Zelensky ter confirmado ao South China Morning Post que já pediu uma conversa com Xi, o encontro ainda não tem data prevista.

“Gostaria de falar diretamente com ele, tive uma conversa com Xi Jinping há um ano. Agora, desde o início da agressão em larga escala, a 24 de fevereiro, pedimos uma conversa, mas não tivemos nenhuma conversa com a China, embora acredite que isso seria útil”, começou por dizer Zelensky, salientando depois que a China e Xi Jinping poderão ter uma palavra muito importante para o fim da guerra na Ucrânia.

“A China é um estado muito poderoso. É uma economia poderosa… Então (ele) pode influenciar política e economicamente a Rússia. Estou confiante, tenho a certeza de que sem o mercado chinês para a Federação Russa, a Rússia sentir-se-ia num isolamento económico completo. Isto é algo que a China pode fazer, limitar o comércio até que a guerra termine.”.

Ainda de acordo com o presidente da Ucrânia, a China estará a tentar manter o seu sentimento em relação a esta invasão de forma “equilibrada”, mas Zelensky deixou também o alerta. “Por que deveríamos ter um Conselho de Segurança, se qualquer país… ou vários países do mundo, poderiam simplesmente decidir violar as regras militarmente?. E a China é [também] membro permanente do Conselho de Segurança da ONU”, revelou em entrevista.
Artigo anteriorSENAMI pretende realizar censo de estrangeiros no país
Próximo artigoVagas de emprego do dia 04 de Agosto de 2022