O ‘caldo entornou’ nos descontos do Paris Saint-Germain-Marselha, no Parque dos Príncipes. Neymar foi um dos três jogadores do PSG expulsos, após ter agredido o espanhol Álvaro González, defesa do Marselha.

Tudo porque, segundo o brasileiro, González terá proferido insultos racistas -«cala a boca, macaco» – , que passaram ao lado do crivo do árbitro e do VAR.