Um vídeo posto a circular nas redes sociais, retrata um grupo de indivíduos trajados de uniforme militar a torturar e executar friamente uma mulher nua e indefesa, numa estrada. Os tiros são dados de forma seguida, acompanhados de palavrões.

Sobre o facto, o Ministério da Defesa Nacional considera as imagens chocantes, abusivas, repugnantes e horripilantes. Acrescenta que todas situações que configuram violação dos direitos humanos devem ser denunciados.

Através de comunicado, o Ministério da Defesa Nacional diz que o facto deve ser investigado para apurar a sua autenticidade e veracidade, com vista a devida responsabilização.

O Ministério da Defesa Nacional reitera o cometimento das Forças de Defesa e Segurança em proteger e salvaguardar os direitos humanos.

São imagens que a vários níveis estão a provocar uma condenação e apelo à rápida investigação. A Ordem dos Advogados já convocou uma conferência de imprensa para esta terça-feira 15, na qual vai se pronunciar a respeito.