O presidente dos Estados Unidos, o republicano Donald Trump, criticou hoje os acordos feitos por Barack Obama, seu antecessor na Casa Branca, classificando-o como “ineficaz”.

Trump reagia ao discurso que Obama irá proferir durante a Convenção Democrata, que foi divulgado, antecipadamente, pelas agências de notícias.

Em resposta, Donald Trump declarou: “Vejam o horror que ele [Obama] nos deixou e a estupidez dos acordos que ele fez”

Na reação ao discurso ainda não proferido, Trump vincou ainda que Obama foi um “mau” e “ineficaz” Presidente.

O democrata Obama vai pedir hoje aos eleitores que “acreditem” na capacidade candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, que foi seu vice-presidente, para “tirar o país dos tempos sombrios” do Governo de Donald Trump.

“Ele [Biden] tornou-me num Presidente melhor. Ele tem o caráter e a experiência para tornar o país melhor”, lê-se num excerto do discurso de Obama já divulgado, que irá encerrar o terceiro dia da convenção democrata, que se realiza, pela primeira vez, por meios telemáticos devido à pandemia de covid-19.

Durante a sua intervenção, Obama vai ainda lamentar a falta de interesse de Trump “em levar a sério” o cargo que ocupa, responsabilizando-o pelas 170 mil mortes relacionadas com a pandemia de covid-19 nos EUA e pelos milhões de empregos destruídos.

Na terça-feira, a convenção nacional democrata oficializou Biden como candidato à presidência dos EUA, indicação que deverá ser hoje, formalmente, aceite pelo próprio.