Um garoto de 9 anos foi preso na segunda-feira (27) acusado de tentativa de assassinato após esfaquear a irmã de 5 anos. O caso aconteceu na Flórida, Estados Unidos, e a menina está internada no Hospital Health Shands, em Gainesville.

De acordo com a Veja, ainda não foi informado o estado de saúde dela. Porém, quando a polícia foi chamada, encontraram a criança ferida, porém se comunicando, em um bloco de apartamentos onde os dois vivem com a mãe, na cidade de Ocala.

O relatório da polícia aponta que Joseph, como foi identificado, falou que a ideia de matar a irmã “havia entrado em sua cabeça dois dias antes”. Na confissão, ainda teria dito que agarrou a menina pela nuca e, enquanto a esfaqueava, gritava: “Morra, morra”.

A mãe também depôs, afirmando ter deixando os filhos sozinhos por não mais que 10 minutos, tempo usado apenas para que ela pegasse as correspondências e doces na casa de um vizinho. Ela viu o mais velho atacando a mais nova e tirou a faca da mão dele.

Aos policiais, Joseph também afirmou que cometeu o ato porque”queria poder sair de casa”. O juiz responsável pelo caso determinou que ele seja submetido a uma avaliação psicológica e se apresente dia 5 de Fevereiro no tribunal.