A polícia holandesa localizou na terça-feira, 25 migrantes escondidos num contentor frigorífico numa embarcação que saiu de um porto na Holanda em direcção ao Reino Unido, mas teve de retornar após detectada a emergência médica a bordo. Desconhecem-se ainda as nacionalidades dos migrantes.

Os migrantes estavam escondidos numa zona de refrigeração do cargueiro dinamarquês “Britannia Seaways”. Dois deles foram transportados para o hospital com sinais de hipotermia.

Todos encontravam-se numa zona de refrigeração do cargueiro dinamarquês “Britannia Seaways”. Dois deles foram transportados para o hospital com sinais de hipotermia, tendo os restantes sido assistidos no local pelos serviços de emergência, refere o “Guardian”.

Este incidente acontece depois de outros recentes. No passado dia 6 de Novembro foram encontrados dezasseis migrantes, entre os quais quatro menores, foram encontrados escondidos na traseira de um camião que estava prestes a embarcar para Inglaterra a partir da Holanda, avançou esta terça-feira a polícia holandesa. “A polícia encontrou 16 estrangeiros num camião em IJmuiden”, cidade portuária da costa oeste da Holanda, explicaram as autoridades em comunicado.

O camião transportava peças de carros entre as quais estavam escondidos os estrangeiros, acrescentaram, explicando que a descoberta foi feita depois de o próprio motorista do camião, um cidadão turco de 45 anos, ter contactado os seguranças, antes de embarcar no ferry, para relatar ter ouvido barulhos nas traseiras do veículo.

A polícia encontrou quatro meninos menores, uma mulher e 11 homens de diferentes nacionalidades e foi aberta uma investigação. O motorista foi detido por tráfico de seres humanos, disse a polícia.

O primeiro caso semelhante ocorreu a 23 de Outubro, quando foram descobertos 39 corpos dentro de um camião refrigerado no condado de Essex, a leste de Londres. Na segunda-feira, a polícia grega encontrou 41 migrantes vivos também dentro de um camião frigorífico interpretado numa autoestrada na zona norte da Grécia. Sete migrantes apresentavam problemas respiratórios e foram transportados para um hospital local.

Ao longo dos últimos dias foram relatados outros casos de grupos de migrantes encontrados vivos dentro de camiões, como foi o caso no norte da Bélgica (12 migrantes) e na zona de Kent, no Reino Unido (nove migrantes).

Expresso