A tempestade perfeita. Assim pode classificar-se a equação que junta José Mourinho ao Tottenham, treinador que muito aprecia as qualidades de Bruno Fernandes e o único clube que efectivamente transformou o interesse no capitão de equipa do Sporting em proposta formal enviada à administração leonina durante o mercado de verão.

Por tudo isto, e porque, sabe A Bola, depois de fechada a janela de transferências ficou subentendido entre o emblema de Alvalade, o staff do jogador de 25 anos e Jorge Mendes, que para onde fosse Mourinho, como já dissemos apreciador confesso do sportinguista, poderia ir também Bruno Fernandes.

Todo este cenário ganha ainda mais força então com a coincidência de o special one ter rumado ao emblema que mais quis o camisola 8 do Sporting. No verão, em Agosto (em Inglaterra o mercado fechou no dia 8), foram os londrinos que formalizaram proposta que se aproximou dos €65 M, ainda assim recusada pela administração sportinguista, que foi aguentando o jogador em Alvalade.

A Bruno Fernandes, já o disse mais do que uma vez, agrada sobremaneira a Premier Legue. Ao Tottenham, a reciprocidade de gosto é realidade, tanto que mesmo depois de falhada a operação estival os londrinos nunca deixaram de seguir de perto os desempenhos do internacional português. E o terceiro elemento da equação, Mourinho, acaba por entrar no Tottenham, completando um triângulo de interesse.

A Bola