O futuro de Antoine Griezmann (At. Madrid) estará cada vez mais longe do Barcelona, segundo revela a Imprensa de Madrid.

De acordo com a «Marca», o presidente do Barça, Josep Maria Bartomeu, não considera Griezmann uma prioridade, isto levando em conta que a sua cláusula de rescisão é de 120 milhões de euros e que pretende um salário anual de 17 milhões de euros.

A Bola