Sobe de 51 para 64 os casos de pacientes com cólera na província de Cabo Delgado, dos quais 57 em Pemba e sete no distrito de Mecufi. Entretanto, o sector de saúde ainda não se pronunciou em volta da vacina contra cólera.

Só na cidade de Pemba, onde os casos de cólera crescem, estão neste momento internados 12 pacientes, segundo Anastácia Lidimu, do Departamento Provincial da Saúde de Cabo Delgado.

Neste momento, o sector da saúde já avançou com medidas de prevenção da cólera nos principais pontos de entrada e saída de pessoas.

Ainda em Cabo delgado, cerca de 50 famílias que perderam suas casas, na cidade de Pemba, na sequência do ciclone Kenneth, começaram a receber kits de alimentos e de abrigos, para que não continuem ao relento.

Além de Pemba, segundo a esposa do governador de Cabo Delgado, Naidy Parruque, ajuda humanitária vai chegar aos distritos afectados pelo kenneth.

Em Pemba, segundo o levantamento realizado pelo Instituto Nacional de Gestão de Calamidades, o Kenneth afectou cerca de 16 mil pessoas. Uma parte continua nos centros de acomodação.

O País