O caudal da Barragem de Chipembe, em Cabo Delgado, tende a baixar consideravelmente e a população receia que venha secar por causa da perda de grandes quantidades de água derivado de uma avaria das comportas.  

Augustinho Monela é um dos poucos habitantes da aldeia Mpaca, que conhece a história de Chipembe. Monela participou na construção do regadio local e diz que já viu a barragem quase a transbordar, mas hoje ele e outras pessoas que dependem de Chipembe estão a enfrentar dificuldades e receiam problemas sérios no futuro.

O regadio de Chipembe, actualmente com água quase metade da sua capacidade de retenção, é um dos sonhos adormecidos de Samora Machel, primeiro Presidente da República, que, na década 80, com ajuda da Coreia, construiu a barragem com objectivo de produzir arroz para alimentar o povo.

O País