Uma mulher foi acusada de remover seios de um cadáver em Oklahoma nos Estados Unidos da América, que era ex-namorada do marido da indiciada.

Shaynna Sims de 26 anos de idade foi primeiramente acusada por dissecação ilegal após ter cortado o cadáver numa visita feita por ela numa funerária. A polícia revelou que a mulher havia avançado numa segunda ocasião, que consistiu na remoção dos seios do cadáver.

As testemunhas revelaram que Shaynna cortou também o rosto, manchou a maquilhagem e o cabelo da vítima.

Contudo, a polícia prendeu a indiciada após ter encontrado ela na casa da mulher morta com tesouras, cortador de caixas e um conjunto de quites de maquilhagem.