Um indivíduo de 59 anos de idade, identificado com o nome de Eugénio Massingue, foi detido na tarde desta segunda-feira (16) no Hospital Central de Maputo (HCM) por se fazer passar por médico e extorquir dinheiro dos pacientes “facilitando” o seu atendimento.

Segundo um comunicado do Ministério da Saúde (MISAU) chegado à nossa redacção, falso médico circulava nos corredores do Banco de Socorros, cobrava dinheiro aos pacientes, prometendo em troca de um acelerar o se atendimento nas triagens.

O mesmo comunicado revela ainda que foi possível neutralizar o impostor graças à vigilância e coordenação entre os trabalhadores, tendo sido prontamente encaminhado à Quinta esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM)

A direcção do HCM aproveita o comunicado para informar e apelar ao público para que use os sistemas estabelecidos para o atendimento, evitando recorrer a “facilidades” que, muitas vezes, se mostram fraudulentas.