Homem mata parceira por ela ter omitido ser seropositiva
O namoro era recente, e Cecilia teria omitido a doença e quando contou a Larry disse que “não era tão mau assim”.
Larry Dunn Jr, 36, confessou que matou sua namorada, após ela contar que era seropositiva. Segundo uma reportagem do jornal Daily Mail, ele afirmou aos policiais que matou a mulher por ela te-lo contaminado. Cecília Bolden, 28, foi encontrada morta pelos seus dois filhos, que retornavam da escola.

O namoro era recente, e Cecilia teria omitido a doença e quando contou a Larry disse que “não era tão mau assim”. O homem foi até a cozinha, pegou uma faca e matou a mulher, com duas facadas no pescoço.

Os filhos de Cecilia agora estão com pai, que em entrevista ao jornal disse que espera que Larry apodreça na cadeia. Segundo ele a vitima era uma boa mãe e está preocupado com as crianças, já que elas viram a mãe morta.