Destaque Tragédia no Chile: Mortes por incêndios florestais atingem 99

Tragédia no Chile: Mortes por incêndios florestais atingem 99

Receba atualizações de trabalhos do MMO Emprego

Siga o nosso canal do Whatsapp para receber atualizações diárias anúncios de vagas.

Clique aqui para seguir

O número de vítimas fatais dos incêndios florestais que assolam a região centro-sul do Chile ascendeu a 99, de acordo com o Serviço Médico Legal do país.

A informação representa um aumento significativo em relação às 64 mortes confirmadas anteriormente pelo presidente Gabriel Boric.

Em resposta à magnitude da catástrofe, o chefe do Executivo chileno decretou luto nacional de dois dias. Boric salientou que o número de vítimas ainda pode aumentar e classificou o episódio como a maior tragédia desde o terremoto de 2010, que vitimou mais de 500 pessoas.

Neste domingo, o presidente visitou a região de Valparaíso, uma das mais devastadas pelas chamas, para avaliar a situação em primeira mão. Segundo Boric, as prioridades neste momento são salvar vidas, controlar os incêndios e recuperar os corpos dos falecidos.

“Uma vez apagado o incêndio, iniciaremos a fase de cadastramento, auxílio imediato e reconstrução. Nós nos levantaremos”, afirmou o presidente em suas redes sociais.

Diante da calamidade, o governo chileno decretou estado de emergência, medida que permite a mobilização de mais recursos para o combate às chamas e a assistência à população afetada.