O Sporting Clube de Portugal, equipa na qual milita o moçambicano Jeremias Manjate, conquistou, no final de semana, a sétima Taça de Portugal em basquetebol sénior masculino.

Foi preciso serem mortais para vencerem o Imortal BC, por 83-59, por forma a garantirem a segunda Taça consecutiva para o poste moçambicano, depois de, no ano passado, terem vencido, na final, o FC Porto. Os “leões” repetem a proeza de há 47 anos, quando venceu a competição por duas ocasiões seguidas.

Aliás, para chegar a esta final, o FC Porto foi a vítima do Sporting, mostrando o seu melhor momento na bola ao cesto em masculinos e, diante da equipa, sensação deste ano, que eliminou o SL Benfica nas meias-finais, não teve muitas dificuldades e acabou por vencer por 24 pontos e conquistar o troféu.

Jeremias Manjate esteve no 12 escolhido para esta final e teve alguns minutos em campo, tendo contribuído com um ponto para o conjunto de Luís Magalhães que não deu qualquer hipótese ao Imortal BC e foi construindo, aos poucos, uma vantagem confortável, que se fixou nos 32-44 ao intervalo.

Nos dois últimos períodos, o Sporting manteve-se cada vez mais confiante, com o adversário a tentar responder com lançamentos de três pontos, na maioria das vezes sem sucesso, para evitar ter de furar a defesa leonine bem composta.

Sem espaço para contrariar o favoritismo dos “leões”, o Imortal BC acabou por vergar no final e o resultado de 83-59 acabou por não ser contestado e merecido para o vencedor.

Depois desta partida disputada no passado domingo, os Leões voltam a entrar em acção no próximo sábado, dia 17 de Abril, na deslocação à casa da UD Oliveirense (5° com 43 pontos), em jogo referente à última jornada da fase regular da Liga Placard, a precisar de vencer para fazer a dobradinha, tendo em conta que lidera com mais um ponto em relação ao FC Porto.