Início Sociedade Educação Inhambane: Mais de 500 escolas sem água nos sanitários para a higienização...

Inhambane: Mais de 500 escolas sem água nos sanitários para a higienização dos estudantes

O ano lectivo começou há mais de 16 dias, mas nem todas as escolas estão em condições sanitárias para retoma das aulas no contexto da COVID-19.

É que, em mais de metade das escolas, os sanitários não têm água para a higienização dos estudantes.

Das 966 escolas entre públicas e privadas, 510 não têm água corrente nas casas de banho. Dessas, 487 são do ensino primário e 23 do ensino secundário.

Mas essa não é a única preocupação das autoridades de educação. Em muitas escolas, não existe vedação, o que dificulta o controlo do movimento dos estudantes na medição da temperatura ou na lavagem das mãos. Além disso, não há, em Inhambane, recursos humanos suficientes para garantir a limpeza, bem como a desinfecção das salas de aula e outros locais de frequência de estudantes e professores.

Existem, em Inhambane, mais de 960 escolas entre públicas e privadas. Em muitas delas, as turmas foram divididas em 3 grupos devido ao elevado número de estudantes em cada turma.

FONTEO País
Artigo anteriorAulas nocturnas presenciais da 6ª e 7ª classes com início previsto para este mês
Próximo artigoMoçambique soma 788 mortes por Covid-19