Thomas Tuchel afirmou que o brasileiro jogou de maneira mais defensiva do que lhe foi pedido e que o camisa 10 deve ser o líder da equipe dentro de campo. Icardi fez dois golos.

Apesar da vitória do Paris Saint-Germain por 2 a 0 contra o Reims, o técnico Thomas Tuchel não ficou satisfeito com a participação de Neymar em campo. No entanto, o comandante alemão também está preocupado com a possível punição que o brasileiro pode tomar por conta de insultos homofóbicos em direção ao zagueiro Álvaro González, do Olympique de Marseille e acusado de racismo pelo craque brasileiro.

 

– Ele jogou como se fosse parte de uma equipe de revezamento, quando preciso que ele seja o líder do time. Esse não era o plano, foi muito defensivo. Aliás, o que mais me preocupa é a decisão do Comitê Disciplinar.

grande destaque da partida foi o argentino Mauro Icardi, autor de dois gols e elogiado pelo comandante.

– Espero que isso marque o início da temporada dele. Trabalhou muito e sabemos que suas últimas partidas não foram boas. Fazer dois gols é decisivo, mas precisa seguir melhorando.

Após um início conturbado, o PSG se reencontrou com o caminho das vitórias e ocupa o 7º lugar a quatro pontos de distância do Rennes, líder do torneio. Neymar será julgado nesta quarta-feira e pode ficar sem jogar pelo Campeonato Francês até 2021 dependendo do rigor de quem estiver analisando o caso.