O primeiro-ministro do Sri Lanka, Ranil Wickremesinghe, disse na quarta-feira (20) que renunciará esta semana depois que o candidato de seu partido perder uma eleição presidencial, e os relatórios da mídia local sugerem que o novo presidente nomeará seu próprio irmão como o novo primeiro-ministro interino.

O ex-ministro da defesa Gotabaya Rajapaksa foi eleito presidente em 16 de Novembro como candidato do partido de seu irmão Mahinda Rajapaksa, que actuou como presidente entre 2005 e 2015. Gotabaya Rajapaksa derrotou o candidato do partido Wickremesinghe.

“Decidi renunciar ao cargo de primeiro-ministro para dar espaço para o novo presidente formar seu próprio governo”, disse Wickremesinghe em comunicado, acrescentando que planeia entregar sua renúncia ao presidente na quinta-feira.

A mídia do Sri Lanka informou que o novo presidente nomeará em breve um gabinete interino para governar o país até uma eleição parlamentar prevista para Abril.

A eleição foi ofuscada pela mais profunda crise económica do Sri Lanka em mais de 15 anos, após ataques a hotéis e igrejas no domingo de Páscoa que mataram mais de 250 pessoas. O Estado Islâmico assumiu a responsabilidade pelos ataques, que danificaram o sector de turismo do Sri Lanka, uma fonte vital de câmbio.

O novo presidente, que supervisionou a derrota dos separatistas tâmeis como ministro da defesa de seu irmão há uma década, venceu a eleição depois de prometer proteger o país contra ameaças militantes.

Sob a constituição do Sri Lanka, o governo de Wickremesinghe será dissolvido após sua renúncia.

Nem o UNP de Wickremesinghe, nem o SLPP de Mahinda Rajapaksa têm maioria absoluta no parlamento para formar um governo. Mahinda Rajapaksa tentou retornar ao cargo no ano passado como primeiro-ministro, mas foi bloqueado por um tribunal.

O novo presidente deve nomear um gabinete interino de 15 membros até a eleição parlamentar, quando seu irmão deve procurar o cargo de primeiro ministro. Alguns meios de comunicação locais informaram na quarta-feira que o presidente nomeará seu irmão Mahinda como primeiro ministro interino até a eleição.

Em seu primeiro conjunto de nomeações, Gotabaya Rajapaksa nomeou PB Jayasundera, que era chefe do tesouro de seu irmão, como secretário, e convocou seu aliado próximo Kamal Gunaratne, general militar, como secretário de defesa.

A eleição de Rajapaksa levantou esperanças entre os investidores de que a economia da nação insular se recuperaria. O principal índice de acções .CSE subiu 1,9% e a rupia cingalesa LKR = ganhou 0,5% nas últimas três sessões.

“O que se espera de Rajapaksa é a estabilidade política e a mudança no gabinete ajudará esse sentimento e o mercado o verá positivamente”, disse Dimantha Mathew, chefe de pesquisa da corretora First Capital Holdings.

Observador