Um homem foi resgatado do interior de uma gruta onde ficou preso durante quatro dias, sem comer e beber, no Cambodja.

Segundo a BBC, Sum Bora, de 28 anos, estava na gruta, no Cambodja, na Ásia, à procura de excrementos de morcego e ficou preso entre duas rochas enquanto tentava recuperar uma tocha.

Para retirar o homem do local foram necessárias 200 pessoas num trabalho que se prolongou por mais de 10 horas. Ao canal de televisão britânico o homem chegou mesmo a afirmar que já tinha perdido a esperança em sair da gruta com vida.

Os excrementos de morcego é uma matéria de lucro no país e são muitas vezes utilizados como fertilizantes.

As autoridades já tomaram medidas e vão proibir a subida à montanha Chakrai para evitar que mais pessoas fiquem presas nas grutas.

CM