Um homem moçambicano matou as duas filhas menores, de três e seis anos, na sua residência, na noite de sábado em Gorbitzbach, na Alemanha.

O crime terá acontecido no dia em que o homem deveria entregar as crianças à mãe, depois do fim de semana partilhado, uma vez que os pais das meninas estavam divorciados.

A mãe das crianças, de 35 anos, alertou a polícia, uma vez que o ex-companheiro deveria ter entregue as meninas mas não apareceu. As crianças foram encontradas mortas no local, pelas autoridades.

“Os criminologistas acreditam que foi uma morte violenta”, disse o porta-voz da polícia, Thomas Geithner, segundo avançou o Tag 24. Os vizinhos afirmam que o homem sempre foi atencioso e falava bem alemão. “Ele mudou-se há três meses e as meninas vinham ter com ele a cada duas semanas”, disse a mesma fonte.

Os resultados dos exames feitos devem ser conhecidos esta segunda-feira.

CM