Um homem foi executado hoje na China por ter morto um médico a facadas, por alegadamente ter feito mal uma cirurgia no seu nariz.

Segundo dados colhidos pela imprensa daquele país, o homem executado queixava-se de problemas frequentes de respiração após a cirurgia. Assim, o ataque ocorreu em Outubro do ano passado e fez com que os outros médicos protestassem a situação sucedida na altura.

Deste modo, os médicos da China queixam-se de serem mal pagos e de estarem sobrecarregados, sendo que esta situação faz com que haja muitas negligências na área da saúde naquela região e a questão do suborno por parte dos pacientes já é tido como algo natural.

De realçar, que a China é considerado o país que mais aplica a pena de morte, sendo responsável pela maioria das execuções registadas anualmente no mundo.