Kok Nam
O fotojornalista moçambicano Kok Nam, director do semanário “Savana”, morreu esta madrugada em Maputo, vítima de doença, aos 72 anos, disse à agência Lusa Fernando Lima, administrador da Mediacoop, proprietária do jornal.

Kok Nam encontrava-se doente há vários meses, tendo recebido tratamento em Portugal e regressado a Moçambique em dezembro passado.

De ascendência chinesa, natural de Maputo, onde nasceu em 1939, Kok Nam tornou-se num nome de referência do jornalismo e da fotografia de Moçambique, ainda antes da independência do país, em 1975.

O funeral realiza-se em Maputo na segunda-feira, 13 de agosto.