Sociedade Cerca de 7 mil famílias de Marromeu à beira de uma crise...

Cerca de 7 mil famílias de Marromeu à beira de uma crise alimentar

Receba atualizações de trabalhos do MMO Emprego

Siga o nosso canal do Whatsapp para receber atualizações diárias anúncios de vagas.

Clique aqui para seguir

Cerca de sete mil famílias estão a beira de uma crise alimentar, no distrito de Marromeu, província de Sofala.

A situação resulta da fraca produção agrícola originada por inundações e o ciclone Freddy, devastando quatro mil hectares com culturas diversas.

De acordo com o director do Serviço distrital de Actividades Económicas de Marromeu, a insegurança alimentar regista-se sobretudo nos postos administrativos de Malingapansi e Chupanga.

Júlio Lapissone refere que muitos residentes dessas zonas não produziram quase nada, pois as sementeiras foram arrasadas pelas inundações causadas pelo transbordo do rio Zambeze.

“Nós como governo do distrito estamos a incentivar os produtores no sentido de desenvolverem actividades com culturas resistentes à seca, para que possamos superar esta situação que vivemos no distrito”, disse.

O responsável garante porém, estarem em marcha um plano de assistência às famílias em causa, não só em alimentos, com também em insumos agrícolas.