Desporto Último jogo da carreira de Federer é ao lado de Nadal

Último jogo da carreira de Federer é ao lado de Nadal

O tenista suíço ficou a saber na manhã da última quarta-feira que vai poder cumprir o desejo de terminar a carreira ao lado do maior arqui-rival, Rafael Nadal, na Laver Cup, numa partida de pares, contra Jack Sock e Frances Tiafoe, entre a Selecção Europeia contra o Resto do Mundo.

O torneio que ocorre entre 23 e 25 de Setembro, do corrente mês, disputa-se no Reino Unido, na O2 Arena, situada em Londres e assinala o embate entre a Europa e o Resto do Mundo num duelo que a Europa leva a vantagem, não tendo perdido nenhum título desde a criação da competição em 2017.

Roger Federer que se prepara para retirar dos courts, aos 41 anos, ganhou um total de 20 Grand Slams em 31 finais, tendo conquistado oito vezes o torneio de Wimbledon, seis vezes o Australian Open, cinco vezes o US Open e uma vez o Roland Garros.

Porém, devido aos problemas físicos e às lesões que foi amealhando com a progressão dos anos e da carreira, vê-se forçado a sair de competição.

“Tenho 41 anos, joguei mais de 1500 partidas em 24 anos. O Ténis foi muito generoso comigo, mas tenho de reconhecer que chegou a hora de terminar a carreira”, assegurou nas redes sociais.

Federer não participou em qualquer Major esta temporada, fica a nota que  a última conquista em Grand Slams aconteceu em 2018, no Australian Open, em Melbourne.

Agora é hora de abandonar os courts e pousar as raquetes.