Internacional Programa Estratégico para Moçambique já foi aprovado pela UE

Programa Estratégico para Moçambique já foi aprovado pela UE

A União Europeia aprovou o Programa Estratégico para Moçambique (2021-2027), com um pacote financeiro para os primeiros quatro anos no valor de 428 milhões de euros para o setor do desenvolvimento, anunciou a delegação da UE no país africano.

Uma nota refere que o Programa Indicativo Plurianual de Moçambique para o período de 2021 a 2027 foi aprovado no âmbito do novo Instrumento de Vizinhança, de Cooperação para o Desenvolvimento e de Cooperação Internacional — Europa Global, que substituiu o Fundo Europeu de Desenvolvimento.

O novo Programa Indicativo Plurianual de Moçambique 2021-2027 apresenta três áreas prioritárias: Crescimento Verde, Crescimento da Juventude e Governação, Paz e Sociedade Justa.

O Crescimento Verde foca-se na conservação e proteção do ambiente com vista ao desenvolvimento sustentável de Moçambique.

A segunda área prioritária – Crescimento da Juventude -, visa “garantir uma nutrição e segurança alimentar adequadas, mais investimentos numa educação inclusiva e de qualidade e a criação de mais oportunidades de emprego”.

Na terceira área – Governação, Paz e Sociedade Justa -, o Programa Indicativo pretende “responder aos desafios da governação e promover uma sociedade inclusiva através do reforço das instituições democráticas ao nível central e descentralizado, a proteção e a promoção dos direitos humanos e o apoio a uma imprensa independente e pluralista”.

O programa apoiará igualmente o reforço da coesão social e a paz e estabilidade.

Uma vez terminada a execução da fase 2021–2024 do Programa Indicativo, e após a avaliação dos seus resultados, “a alocação financeira para 2025–2027 será objeto de decisão por parte da União Europeia”, conclui-se no documento.

FONTEFolha de Maputo
Artigo anteriorAutoridade da saúde aprovou comprimido da Pfizer contra a Covid-19 nos EUA
Próximo artigoAlemanha manifestou preocupação pelas ameaças de Putin à Ucrânia