Início Saúde Covid-19 Esgotou capacidade de internamento nos hospitais em Maputo

Esgotou capacidade de internamento nos hospitais em Maputo

A capacidade de internamento para pacientes com Covid-19 nos hospitais da província de Maputo esgotou e as autoridades têm recorrido às unidades da cidade de Maputo para responder à procura.

“A província de Maputo ultrapassou a capacidade instalada, tendo 42 camas ocupadas quando previamente estavam alocadas 40 camas”, disse a directora adjunta de Saúde Pública.

Segundo Benigna Matsinhe, as unidades de saúde daquela província estão a recorrer aos hospitais da cidade de Maputo, a capital do país, para o internamento de doentes em estado grave.

“Neste momento, a cidade de Maputo tem 334 camas ocupadas (57%), do total de 583 existentes”, declarou.

Só nos primeiros 19 dias deste mês, período do início da terceira vaga da pandemia em Moçambique, o país registou 24.381 novos casos, 1.132 novos internamentos e 260 óbitos, contra 9.628 casos novos, 419 internamentos hospitalares e 87 óbitos registados no início da segunda vaga.

“Chamamos atenção que precisamos de uma acção colectiva forte para travar a actual velocidade da pandemia no nosso país. Apesar dos números já serem maus, podemos presenciar uma situação grave no próximo mês de Agosto”, acrescentou.

Desde o anúncio do primeiro caso, em Março de 2020, Moçambique conta com um total de 1.138 óbitos devido a Covid-19 e 100.785 infecções, 76% das quais recuperadas, segundo as últimas actualizações.

Artigo anteriorVagas de emprego do dia 20 de Julho de 2021
Próximo artigoPolícias voltam aos protestos por causa do subsídio de risco em Lisboa