O embaixador César Francisco de Gouveia Júnior apresentou as cartas credenciais que o acreditam como alto-comissário da República de Moçambique na República de Malta, ao Presidente daquele país, George Vella.

As credenciais foram apresentadas a 23 de Julho, segundo o Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, em nota enviada ao “O País”.
No documento, a instituição do Estado diz que César de Gouveia e o Presidente de Malta “abordaram as relações bilaterais e partilharam informações sobre a conjuntura político-económica e social dos dois países”..

Na ocasião, o Presidente maltês realçou a importância que o seu país atribui à cooperação com Moçambique e a necessidade de se identificar novas iniciativas de cooperação, particularmente nas áreas do turismo, transporte, educação vocacional, infra-estruturas, diplomacia, bem como a promoção de investimentos do sector privado dos dois países.

Além de Malta, César de Gouveia chefia as missões diplomáticas de Moçambique na Itália e Turquia, com residência em Roma.